O técnico do PSG, Thomas Tuchel, queria fortalecer seu ataque na janela que se passou. O treinador queria contratar o ex-atacante do Barcelona, ​​Luis Suárez, de acordo com o Telefoot.

No entanto, o uruguaio assinou pelo Atlético de Madrid há duas semanas, marcando dois gols e preparando outro na estreia contra o Granada.

Depois da saída de Eric Maxim Choupo-Moting e de Edinson Cavani do clube, o PSG ficou com Mauro Icardi como único camisa “9” de ofício no elenco francês. A ideia de Tuchel era levar Suárez como competição para o argentino, depois que o técnico do Barça, Ronald Koeman, deixou claro que não iria contar com ele.

Porém, a contratação do jogador foi impossibilitada pelo simples fato do Barça ter incluído o clube parisiense em uma lista de clubes para os quais não estava disposto transferir Suárez.

Desde então, Tuchel deixou claro seu descontentamento com a falta de contratações do gigante de Paris, embora o clube francês tenha contratado Rafinha e Moise Kean, do Everton.

LEIA TAMBÉM:
Olivier Giroud sai em defesa de Antoine Griezmann
Barcelona inicia processo para novos cortes salarias
Wijnaldum fala que o interesse do Barcelona em seu futebol “não era muito sério”
Messi chega à Argentina antes das eliminatórias da Copa do Mundo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui