Emili Rousaud tomou medidas para trazer Erling Haaland ao Camp Nou, se ele for eleito o novo presidente do Barcelona, com eleições no clube marcadas para 24 de janeiro.

Rousaud acabou de anunciar hoje, quarta-feira (30), que nomeará Josep Maria Minguella como seu vice-presidente desportivo. O candidato também deixou escapar que Minguella havia feito um pré-acordo com o agente de HaalandMino Raiola.

“Ele conseguiu trazer Diego Maradona, Hristo Stoichkov, Romário, Lionel Messi e Ansu Fati. Ele sempre esteve lá. Ele foi o protagonista em muitos dos capítulos importantes da história do clube”, disse Rousaud sobre Minguella.

Embora Minguella não tenha mencionado o Haaland pelo nome, ele falou de um alvo de transferência, que segundo o jornal  Marca, se trata do norueguês.

“Ele é uma pessoa com contrato em vigor em outro clube e temos que ser discretos. O que não faremos é filtrar as notícias. Isso é muito bom para os jornais e muito mau para o clube. Cada vez que você deixa o nome de um jogador escapar, por exemplo, isso adiciona outro milhão ao preço. Discrição é a chave”, completou ele.

EIA TAMBÉM:
Koeman: “Sou realista, vencer a La Liga é muito difícil”
Junior Firpo: “Barcelona precisa de mil chances para marcar”
Barcelona confirma que Philippe Coutinho fará uma cirurgia no joelho

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui